Milho transgénico beneficia mais agricultores que cultivam a variedade natural


Milho transgénico beneficia mais agricultores
que cultivam a variedade natural

7 Outubro 2010 – Ecosfera-Público.pt

A traça que come o milho não sobrevive nas plantações transgénicas dos Estados Unidos, mas são os agricultores que plantam a variedade natural desta planta que mais beneficiaram a nível económico com a introdução dos transgénicos. A descoberta é publicada num artigo da edição desta semana da revista Science.

A equipa de cientistas da Universidade de Wisconsin-Madison e da Universidade de Minnesota estudou o impacto económico devido à plantação do milho Bt – que contém um gene da bactéria < capaz de matar pestes como a traça Ostrinia nubilalis, chamada broca-do-milho. Nos Estados Unidos, esta variedade transgénica de milho é plantada em 63 por cento dos cultivos.

“Este é o primeiro estudo que estima o valor da supressão de pestes numa grande área devido ao cultivo de transgénicos e o seu benefício subsequente em plantações de não transgénicos. Neste caso, o valor dos benefícios do rendimento indirecto para as plantações de não transgénicos é superior aos benefícios directos das plantações com milho Bt”, disse em comunicado Paul Mitchell, da Universidade de Wisconsin-Madison, que fez a análise económica e é um dos autores do artigo.

LER MAIS

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s