Comunicar Agrobiotecnologia: “saber fazê-lo da melhor forma é fundamental”


Comunicar Agrobiotecnologia:
“saber fazê-lo da melhor forma é fundamental”

20 Abril 2011 – CiB Portugal

O CiB – Centro de Informação de Biotecnologia organizou, em Oeiras, o workshop – Falar com os Media – Comunicar Agrobiotecnologia – com Sofia Frazoa, jornalista e formadora em comunicação. Participaram seis investigadores de biotecnologia de plantas, uma comunicadora de ciência, uma agricultora e oito profissionais das áreas de alimentação, comercialização de fitofármacos e comercialização de sementes biotecnológicas.

Segundo Pedro Fevereiro, presidente do CiB, a área da Agrobiotecnologia inclui temas complexos e controversos com grande relevância para o público, principalmente no contexto alimentar e ambiental. A comunicação desses temas aos media é uma realidade cada vez mais próxima dos investigadores portugueses e de outros profissionais com responsabilidade no esclarecimento dos cidadãos. Portanto, saber fazê-lo da melhor forma é fundamental para todos os participantes.

Gabriela Cruz, agricultora e dirigente da Aposolo – Associação Portuguesa de Mobilização de Conservação do Solo – considera que este curso foi importante para melhorar a sua forma de comunicar em entrevistas e sessões de esclarecimento em que participa. Gabriela Cruz disse ainda que “foi importante para diminuir o meu nível de stress quando sou entrevistada ou quando tenho que fazer comunicações/apresentações”.

“Nem sempre é fácil enfrentar uma plateia ou uma entrevista com um jornalista que espera de mim uma mensagem clara e simples que traduza a complexidade do meu trabalho de investigação e os seus objectivos”, confessou Susana Araújo, investigadora de biotecnologia vegetal do IICT – Instituto de Investigação Científica Tropical e do ITQB – Instituto de Tecnologia Química e Biológica. Susana Araújo explicou ainda que “este curso permitiu adquirir um leque de técnicas básicas para bem comunicar, sendo sem dúvida uma mais-valia no meu desempenho profissional”.

Luis Grifo, técnico agrícola da empresa Pioneer, disse que este curso foi importante “para a criação de rotinas que optimizam a comunicação em situações imprevistas que possam constituir noticia”.

Mais informações

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s