Gravação| Perdeu o webinar “Aplicações da edição do genoma na agricultura e na medicina”?

Para quem não teve oportunidade de assistir em direto ao webinar CiB sobre as “Aplicações da edição do genoma na produção de alimentos e na medicina”, no dia 16 de julho, disponibilizamos aqui a gravação do evento.

O CiB-Centro de Informação de Biotecnologia realizou, no dia 16 de julho, às 18h00, um debate online sobre a utilização da tecnologia de edição do genoma quer no desenvolvimento de novas terapêuticas moleculares, quer no desenvolvimento de variedades vegetais adaptadas às necessidades atuais de garantir a segurança e qualidade alimentares.

Moderado pelo Professor Doutor Pedro Fevereiro, biólogo, investigador e presidente da Direção do CiB, o evento contou com as intervenções do Professor Doutor António Vaz Carneiro, médico, especialista em Medicina Interna, Nefrologia e Farmacologia Clínica, presidente do Conselho Científico do Instituto de Saúde Baseado na Evidência, Ana Paula Carvalho, Engenheira Agrónoma, Subdiretora Geral da Direção-Geral de Alimentação e Veterinária – DGAV, a Professora Doutora Margarida Oliveira, bióloga, investigadora e diretora do laboratório de Genómica do Stress das Plantas e Professora Associada do ITQB NOVA e a Doutora Ana Sofia Coroadinha, bioquímica, investigadora e Professora Auxiliar do ITQB NOVA/IBET.

Durante uma hora e meia, estes especialistas deram resposta a questões como:
• O contínuo desenvolvimento de ferramentas moleculares para editar o genoma, o contínuo aumento do número de organismos sequenciados e o contínuo aumento da re-sequenciação (quer dos genomas humanos, quer de outras espécies, em particular das espécies agrícolas), permite prever uma nova era para as ciências biológicas?
• Estas ferramentas permitem responder a questões científicas que antes nos estavam vedadas?
• Existem já exemplos de como estas aplicações permitem produzir novos conhecimentos fundamentais?
• A utilização da edição do genoma para fins terapêuticos e para fins de produção alimentar coloca desafios éticos e regulamentares? Quais são esses desafios?
• São estes desafios diferentes dos que se colocavam antes do desenvolvimento desta tecnologia?
• Os utilizadores dos produtos desta tecnologia (ou conjunto de tecnologias) estão preparados para aceitar as suas aplicações?
• Existe uma diferença significativa no uso e na regulamentação destas aplicações quando se olha para o mundo da medicina (em particular da terapêutica) e para o mundo da produção alimentar?

Para quem não teve oportunidade de assistir em direto ao webinar CiB sobre as “Aplicações da edição do genoma na produção de alimentos e na medicina”, no dia 16 de julho, disponibilizamos aqui a gravação do evento.

Siga o CiB no Twitter, no Instagram, no Facebook e no LinkedIn. No CiB, comunicamos biotecnologia.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s